....  

 Home  |  Astronomia  |  Sistema Solar  |  Universo  |  Especiais  |  Diversos

DICIONÁRIO DE ASTRONOMIA

A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z


S 1999 J1

S 1999 J1Pequeno satélite de Júpiter descoberto no ano 2000 pelo projeto Spacewatch e pelo Minor Planet Center. Ele foi descoberto a partir de placas fotográficas tiradas em 1999. Este satélite está a uma distância de 7.400.000 km de Júpiter. Seu raio e sua massa são desconhecidos.

SAB

Sigla da Sociedade Astronômica Brasileira.

Sabik (Eta Ophiuchi)

O Condutor, do vocábulo árabe Sabik.

Sadachbia (Gamma Aquarii)

A Estrela da Sorte, transcrição da expressão árabe Al Sad al Alibiyah.

Sad (Lambda Pegasi)

A Boa Sorte, da expressão árabe Sad al Bari.

Sadalmelik (Alpha Aquarii)

O Talismã do Rei, proveniente da expressão árabe Al Sad al Malik, a boa sorte do rei.

Sadalsuud (Beta Aquarii)

Boa Sorte, oriundo da expressão árabe Al Sad al Suud, ou seja, os bons augúrios.

Sadatoni (Zeta Aurigae)

O Segundo Escudo, proveniente da expressão árabe Al Said al Thani.

Sadr (Gamma Cygni)

O Peito, do árabe Al Sadr al Dajajah, o peito da ave fêmea.

Sagan, Carl Edward (1934)

Astrônomo e biólogo americano que popularizou a astronomia e acreditou na possibilidade de existir vida em outras regiões do Universo. Ele também demonstrou um possível começo para a vida na Terra, produzindo aminoácidos através do aquecimento solar de uma mistura de amônia, sulfito de hidrogênio, metano e água.

Saiph (Kappa Orionis)

A Espada do Gigante, denominação árabe para indicar o grupo das estrelas Theta, Iota e Nu Orionis.

Salm (Tau Pegasi)

Bolsa de Couro, do árabe Salma.

Sargas (Teta Scorpii)

Cavalo Teimoso, nome de origem persa.

saros

É o ciclo periódico de aproximadamente 18 anos do sistema Terra-Lua-Sol. A cada 6.585 dias a Terra, a Lua e o Sol estão exatamente na mesma posição. Quando há um eclipse lunar, haverá também um exatamente 6.585 dias mais tarde.

satélite

Corpo celeste que gira em torno de um planeta por causa da força da gravidade. A Lua é o único satélite natural da Terra. O primeiro satélite artificial, lançado no dia 4 de outubro de 1957, foi o Sputnik I soviético. O primeiro satélite americano foi o Explorer I, lançado em 31 de janeiro de 1958.

satélite artificial

Corpo artificial que gira ao redor da Terra devido à força da gravidade terrestre. Pode ser usado para comunicação, pesquisa, observação, etc.

satélite geoestacionário

Satélite artificial cuja órbita ao redor da Terra tem inclinação nula (órbita no plano do equador), excentricidade nula (órbita circular) e período orbital igual a um dia, mantendo constante sua posição em relação a um ponto na superfície da Terra.

satélite geossíncrono

Satélite artificial cuja órbita ao redor da Terra tem período igual a um dia, independendo dos valores de inclinação e excentricidade.

satélites pastores

satélites pastores Prometeus e PandoraSatélites pastores ou "Luas Pastores" são pequenos satélites que tem sua órbita próxima a anéis planetários e confinam estes anéis através de interações gravitacionais. Exemplos de satélites pastores incluem Prometeus e Pandora, satélites de Saturno que "pastoreiam" o seu estreito e mais externo anel F.

Saturno

SaturnoO segundo planeta, em volume, do sistema solar, com diâmetro 9,2 vezes maior que o da Terra e densidade oito vezes menor, e cuja constituição física se assemelha à dos outros grandes planetas exteriores: Júpiter, Urano e Netuno. Distingue-se dos demais membros do sistema solar pela formação anelar delgada, situada no plano equatorial e constituída de numerosas partículas de pequenas dimensões que em torno dele gravitam. São 7 os anéis principais, separados por anéis escuros.

Saturno V

Foguete que lançou as missões Apolo com destino à Lua. Este enorme foguete tinha 111 metros de altura e pesava 2.850 toneladas. Desenvolvido em 1961, o Saturno V possuía três estágios. O foguete era capaz de colocar uma carga de 150 tons na órbita da Terra ou de 50 tons na Lua. Este, que foi o mais poderoso foguete já construído, foi testado pela primeira vez no dia 9 de novembro de 1967, com a colocação de um falso módulo de comando em órbita. O foguete levava 3.450.000 kg de combustível, lançou todas as missões lunares e colocou a Skylab em órbita. Os foguetes Saturno V foram lançados do complexo 39, no Cabo Canaveral, o mesmo local de onde são lançados atualmente os ônibus espaciais.

Schaula (Lambda Scorpii)

A Cauda, nome árabe que designa o grupo de estrelas formado por Lambda e Nu do Escorpião.

Scheat (Beta Pegasi)

A Sorte do Melhor, nome árabe que designa o asterismo formado pelas estrelas Lambda e Mu do Pégaso.

Schedir (Alpha Cassiopeiae)

O Peito, nome árabe.

Schiaparelli, Giovanni Virginio (1835-1910)

Astrônomo italiano que, em 1877, percebeu a existência de linhas na superfície de Marte. Ele as chamou de "canali", palavra italiana que significa "canais". O nome foi erroneamente traduzido para o inglês como "canal", que significa "canal de água ", o que fez com que muitas pessoas pensassem que eles haviam sido construídos por seres inteligentes. Este erro inspirou Percival Lowell a formular a hipótese de que uma raça em extinção habitava Marte e construiu os canais para levar água dos polos para o equador. Schiaparelli, que não acreditava na teoria de Lowell, continuou a mapear Marte e a dar nome às características de sua superfície. Ele também observou Mercúrio e Vênus e concluiu que os dois planetas tinham sempre a mesma face voltada para o Sol, o que foi desmentido recentemente. Schiaparelli tornou-se mais conhecido pela descoberta de que os meteoros liberam chuvas de meteoros em sua esteira. Ele explicou que o cometa 1861 III provocava a chuva de meteoros Perseid e que o cometa 1866 I provocava a Leonid.

Schirra, Walter Marty, Jr. (1923)

Único astronauta a voar nas missões Mercúrio, Gemini e Apolo. Ele foi um dos 7 astronautas do projeto Mercúrio escolhidos em 1959.

Schmidt, Maarten (1929)

Astrônomo dinamarquês, naturalizado americano, que foi a primeira pessoa a perceber que os quasares eram grandes emissores de ondas de rádio devido ao seu enorme rastro avermelhado.

Schwarzchild, Karl (1873-1916)

Astrônomo alemão conhecido por seu trabalho sobre a estrutura e o transporte de calor do interior das estrelas. Ele é famoso por ter solucionado as equações da Teoria da Relatividade de Einstein em seu leito de morte. Sua explicação para a existência do buraco negro, cujo raio leva seu nome, diz que quando a matéria é comprimida em seu Raio Schwarzschild ela entra em colapso e forma um buraco negro.

Scott, David Randolph (1932)

Comandante da missão Apolo 15. Ele e o astronauta James Benson Irwin, exploraram a Lua durante 18 horas e percorreram 27 km num jipe lunar. Eles permaneceram na Lua durante 2,75 dias. Durante este tempo, Scott deixou cair um martelo e uma pena e demonstrou que, sem a resistência do ar, os dois atingiam a superfície ao mesmo tempo.

Scutulum (Iota Carinae)

O Pequeno Escudo, nome latino para designar o escudo ornamental utilizado na popa da nave Argus. Veja Aspidiske.

Seginus (Gamma Bootis)

Cefeu, nome que aparece pela primeira vez no Atlas de Burritt. Parece uma corruptela de Cepheus, segundo Allen.

selenografia

Estudo descritivo da Lua, sobretudo de sua superfície. É a geografia lunar.

semidiâmetro

Distância angular medida entre o centro de um astro de disco aparente e o seu bordo.

semi-eixo maior

Elemento da órbita de um astro, que caracteriza as dimensões da elipse orbital.

semi-eixo menor

A metade do eixo menor da elipse orbital de um astro.

Setebos

Satélite de Urano descoberto em 1999 por Kavelaars, Gladman, Holman, Petit, e Scholl.

setentrional

Ver boreal.

SETI

"Search for Extraterrestrial Intelligence". Busca de Inteligência Extraterrestre. Este projeto, anteriormente dirigido pela NASA, utiliza os radiotelescópios para captar sinais de civilizações alienígenas. O computador principal analisa 8 milhões de frequências de rádio, procurando sinais que não sejam de origem natural.

setor

Instrumento de astronomia composto de um arco de 20º a 30º e de um óculo.

Sextante

Constelação equatorial, ao sul do Leão ao norte e a este da Hidra, a oeste do Leão e da Taça.

sextil

Diz-se da configuração de dois astros quando a distância angular entre eles é de 60°.

Shapley, Harlow  (1885-1972)

Astrônomo americano que descobriu que a Via Láctea é muito maior do que se imaginava e que o Sol não está localizado próximo a seu centro. Shapley chegou a esta conclusão através da análise das Variáveis Cefeu nos aglomerados globulares. Ele supôs que o Sol se situava a 50.000 anos-luz de distância do centro da Via Láctea. Contudo, mais tarde ele descobriu que a poeira esmaecia o brilho das estrelas, e calculou que a Via Láctea estaria a 100.000 anos-luz de distância e o Sol a 30.000 anos-luz de seu centro. Estes valores são aceitos até hoje.

Sheliak (Beta Lyrae)

Lira, provém do árabe Al Shelyak, ou seja, a Lira.

Shemali (Iota Ceti)

Norte, nome de origem árabe Al Shamaliyy, usado para designar a parte norte da cauda da Baleia.

Shepard, Alan Bartlett (1923)

Primeiro americano a ser lançado no espaço. Ele viajou na nave Freedom 7 num voo sub-orbital que durou um pouco mais de 15 minutos,que o levou a uma altitude de 187,5 km. Em fevereiro de 1971, ele comandou a missão Apolo 14. Shepard e Edgar Dean Mitchell fizeram dois passeios lunares totalizando 9,25 horas. Eles exploraram a cratera Cone para coletar amostras. Shepard se aposentou em 1974.

Sheratan (Beta Arietis)

Os Dois Signos, nome árabe que designava o asterismo formado por Beta e Gama de Carneiro.

Shuttle

Em 1981 começou uma nova etapa na história da Astronáutica, com o lançamento da primeira espaçonave dos E.U.A.: o primeiro shuttle ou ''Táxi Espacial'' denominado Columbia. Seguiram-se a Challenger (destruída no acidente que custou a vida de todos os seus tripulantes), a Discovery, a Atlantis e a Endeavour.

sideral

1. Relativo aos astros, ou próprio deles.
2. Referente ao céu, ou próprio dele; celeste.

siderita

Meteorito de ferro. As sideritas são compostas por uma mistura de ferro e níquel com traços de carbono, cobalto, cobre e fósforo. As sideritas são massas sólidas com densidade 7,8 vezes superior à da água. Elas são classificadas de acordo com seu teor de níquel: as com 5-6% de níquel são os hexaedros, as com 6-20% de níquel são as octaedritas e os que tem mais de 20% de níquel são os aerólitos. Todos os meteoritos de ferro se formam dentro de um asteroide e se cristalizam lentamente. As sideritas provavelmente se formaram em asteroides que colidiram e se despedaçaram a mais de 1 milhão de anos.

sideróstato

Aparelho próprio para se estudar a luz dos astros.

singularidade

Teoria que prevê que a matéria pode ser comprimida em um ponto com volume zero. Toda a massa de um buraco negro se concentra neste ponto, forçando o tempo e o espaço se curvarem sobre si mesmos. Os cientistas também acreditam que toda a massa do Universo estava contida em singularidade antes do Big Bang. As leis da física conhecidas não se aplicam à singularidade.

Sinope

Sinope (JIX) é o 16o e o mais externo dos satélites de Júpiter tendo sido descoberto em 1914 por S. Nicholson. Sabe-se muito pouco sobre Sinope. Ele tem 36 km de diâmetro e sua órbita está localizada a 23.700.000 km de Júpiter. Ele realiza uma volta completa em torno deste planeta em 758 dias terrestres. Deve-se notar que a órbita de Sinope é retrógrada, ou seja, ele está orbitando no sentido oposto ao sentido de rotação de Júpiter.

Sirius (Alpha Canis Majoris)

O Ardente, nome latino da estrela mais brilhante, segundo os antigos gregos. O vocábulo Canícula substituiu, na Antiguidade, quer o nome da estrela, quer o nome da constelação do Cão Maior. Foi Gauricus, influenciado pelo nome Canis Majoris, que a denominou de Canícula. Em virtude do nascimento helíaco de Sirius coincidir com a estação quente, no Hemisfério Norte, Canícula é atualmente associada ao qualificativo de calor.

sistema catadióptrico

Tipo de telescópio, basicamente um telescópio refletor, que combina características refletoras e refratoras. Foi desenvolvido nos anos 40 por Bernard Schmidt.

sistema geocêntrico

Sistema cosmológico que admitia ser a Terra o centro do Universo, em torno da qual giravam todos os astros; sistema ptolomaico.

sistema heliocêntrico

Sistema cosmológico que admite ser o Sol o centro do Universo, girando em torno dele os astros do sistema solar; sistema copernicano e sistema kepleriano.

sistema kepleriano

Sistema cosmológico heliocêntrico, criado pelo astrônomo alemão Johann Kepler, e segundo o qual os planetas giram em torno do Sol seguindo órbitas elípticas.

sistema planetário

O conjunto dos planetas que giram em redor do Sol; sistema solar.

sistema ptolomaico

Sistema cosmológico geocêntrico, criado pelo astrônomo grego Cláudio Ptolomeu, no séc. II d.C., e segundo o qual todos os astros giravam em torno da Terra em movimentos circulares ou combinação de movimentos circulares; sistema geocêntrico.

sistema sideral triplo

Grupo de três estrelas que orbitam um único centro de massa.

sistema solar

Conjunto formado pelo Sol, seus planetas, satélites, asteroides, cometas e partículas de matéria e gases ao seu redor.

Situla (Aquarii)

Ânfora, nome de origem latina para designar vaso com água usado pelo Aguadeiro.

Skat (Delta Aquarii)

Decisão, nome proveniente do árabe Al Shiat.

Skylab

Em 1973 os EE.UU. colocaram em órbita sua primeira estação espacial, a Skylab. Ela esteve habitada por três tripulações de três homens cada. Todas desenvolveram intensa atividade: a reparação dos painéis solares danificados durante o lançamento, caminhadas espaciais, experiências relacionadas principalmente com a coroa solar, além de tirarem centenas imagens da Terra. Além disso, deveriam realizar atividades físicas para compensar o chamado "mal do espaço" que, entre outros sintomas, provoca a descalcificação e a atrofia dos músculos. Lamentavelmente, a estação espacial caiu à Terra em 1979 quando desestabilizou-se de sua órbita.

Sol

SolEstrela em torno da qual giram a Terra e os outros planetas do sistema solar, e que, comparada a outras, é relativamente pequena e de brilho fraco, parecendo maior e mais brilhante por se encontrar mais perto. Sua luz leva oito minutos e meio para atingir a Terra, ao passo que o da segunda estrela mais próxima do nosso planeta (Próxima do Centauro) o faz em três anos e quatro meses.

solstício

Instante no qual o Sol está mais afastado do equador. O solstício de inverno ocorre em 21 de dezembro e marca o começo do inverno no Hemisfério Norte. Este é o dia mais curto do ano. O solstício de verão ocorre em 21 de junho e marca o começo do verão no Hemisfério Norte. Este é o dia mais longo do ano.

sombra

  1. Parte mais escura de uma sombra. As pessoas que estão numa determinada faixa na Terra na sombra da Lua durante um eclipse solar veem um eclipse total, enquanto as que estão na parte da Terra na penumbra da Lua (sombra parcial) veem um eclipse parcial.

  2. Parte mais escura e interna de uma mancha solar.

Spica (Alpha Virginis)

Espiga, nome latino.

Stephano

Satélite de Urano descoberto em 1999 por Gladman, Holman, Kavelaars, Petit e Scholl.

Stonehenge

Círculo pré-histórico formado por pedras gigantes situado em Salsbury, no sul da Inglaterra. As evidências demonstraram que ele foi construído em três estágios. O primeiro, Stonehenge I, construído entre os anos de 3100 e 2300 a.C., possuía um dique circular e um círculo com 56 buracos, que foram preenchidos rapidamente. Stonehenge II, construído entre 2150 e 2000 a.C., possuía uma entrada e dois círculos formados por pedras trazidas do País de Gales a 385 km de distância. Stonehenge III, construído entre 2100 e 1100 a.C., possuía um tipo de tampa nas pedras verticais, sendo que algumas chegavam a pesar 50 toneladas. Não se sabe ao certo porque Stonehenge foi construído, porém, as teorias atuais dizem que ele foi criado com fins astrológicos ou religiosos.

Suhail (Gamma Velorum)

Mastro, nome proveniente da expressão árabe Al Suhail al Muhlif, ou seja, o mastro do navio. Tal vocábulo é também empregado para designar as estrelas Zeta e Lambda Velorum.

Sulafat (Gamma Lyrae)

A Tartaruga, outra denominação árabe para a constelação.

super-aglomerado

Conjunto de aglomerados de galáxias. Este enormes corpos celestes se assemelham a esponjas, com as galáxias espalhadas ao longo de filamentos e grandes lacunas sem matéria luminosa. Nosso Grupo Local faz parte do super-aglomerado de Virgem. O super-aglomerado típico é composto por doze aglomerados galácticos e atravessa centenas de milhões de anos-luz. São conhecidos aproximadamente 50 super-aglomerados.

supernova

SN1987A antes e depois da explosão.Estrela que adquire repentinamente um brilho consideravelmente elevado, para depois enfraquecer lentamente. Tal fenômeno é produzido por transformações profundas no interior de toda a estrela, sendo que uma parte dela é lançada para fora no espaço cósmico, dando origem às nebulosas em expansão, como a nebulosa do Caranguejo, em Taurus, e do Véu de Noiva, em Vela. Ver nova.

Sycorax

Sycorax (ponto dentro do circulo)Satélite de Urano descoberto em 1997 por Nicholson, Gladman, Burns e Kavelaars.

Syrma (Iota Virginis)

A Cauda, nome de origem grega usada por Ptolomeu para designar a cauda do vestido da Virgem.

 
Astromador - Astronomia para Amadores